Food News Latam - O grande competidor da República Dominicana

 

facebook  Twiter  GooglePlus In Youtube

O grande competidor da República Dominicana

República Dominicana Procesos / Envases

A César Iglesias invade as prateleiras dos supermercados da ilha com pacotes de cereal herméticos, embaladas nas empacotadoras da Bosch. San Pedro de Macorís é conhecida pela maioria como uma das maiores cidades da República Dominicana e é a base para a César Iglesias, uma empresa de mais de 100 anos de atividades que traz seus próprios valores à ilha.

Desde sua fundação em 1910, a empresa familiar expandiu-se rapidamente para se tornar a principal produtora de produtos familiares básicos da República Dominicana para as pequenas lojas locais conhecidas como "colmados", restaurantes, hotéis e resorts.

Hoje, A César Iglesias tem 20 fábricas e mais de 2.000 funcionários. Para fornecer produtos de alta qualidade aos muitos consumidores que os utilizam diariamente, a empresa associou-se à Bosch Packaging Technology para melhorar a selagem dos seus pacotes de cereais, substituindo as antigas empacotadoras existentes.

A situação de “Hit ou Miss”
A Bosch trabalhou pela primeira vez com A César Iglesias há mais de 20 anos, fornecendo seladoras para seu produto detergente. O desempenho confiável das máquinas e a continuidade do bom relacionamento de trabalho convenceram a empresa a procurar a Bosch para este importante projeto.

Os pacotes individuais de cereal matinal que A César Iglesias produzia em suas máquinas existentes eram coladas manualmente em papelão, o que envolvia uma quantidade significativa de mão-de-obra e material. Nos colmatos, os pacotes não se descolavam corretamente do papelão, o que resultava em muitos casos em um pacote rasgado. Além de criar uma quantidade significativa de perda de produto, isso impactou negativamente a experiência que os consumidores tinham com a marca. Uma equipe da Bosch e do agente da Bosch, Tecno Empaque, visitou César Iglesias para examinar a questão, explorou novas maneiras de apresentar os pacotes individuais no ponto de venda e fez testes no laboratório de testes da Bosch em New Richmond, Wisconsin. A Bosch recomendou a produção dos pacotes em tiras perfuradas de 6, 8 ou 12 pacotes individuais, utilizando a empacotadora vertical econômica SVI 2600.

“Estamos 100% satisfeitos com o primeiro investimento na máquina empacotadora da Bosch”, disse Jesús Feris, diretor técnico da César Iglesias. “A tecnologia é incomparável ao nosso equipamento anterior em termos de eficiência, formato e aparência da bolsa, precisão da selagem, aspectos de higiene, incluindo limpeza e muito mais.” César Iglesias estava tão satisfeito com a qualidade da máquina da Bosch que a empresa decidiu comprar uma linha de embalagem completa para os seus cereais (Azukitas), Chocolitas e Fruit Loops (Frutiaros). A linha incluía duas empacotadoras adicionais SVI 2600, que produzem quatro formatos de pacotes diferentes e a SVI 4020 LR, que produz dois formatos diferentes de pacotes sanfonados - bem como transportadores vibratórios, balanças multi-cabeças, detectores de metal e plataforma.

Uma solução de home run
As novas máquinas oferecem múltiplos benefícios que resultam em pacotes mais robustos e exigem menos manutenção. Com canais vibratórios suaves que minimizam o desperdício do produto e simplificam o controle da porção, o uso da máquina resulta na economia de tempo e custo. Além disso, a dosagem precisa dos balanças é projetada para minimizar os riscos de contaminação por açúcar, o que poderia resultar em entupimentos na linha e interromper a produção.

“Usar a máquina é extremamente simples e nosso operador pode mudar o filme com muita facilidade”, diz Feris. “Os cereais podem ser um produto difícil de empacotar, mas a máquina permite uma transição sem interrupções e o aumento da produção de um tipo ou sabor para outro, aumentando a facilidade de operação geral. Ela também pode gerenciar uma grande variedade de produtos, permitindo uma fácil troca do tubo de formação para passar de um produto para outro e uma melhor integração com a balança de múltiplos cabeçotes e o detector de metal. A Bosch também nos forneceu um treinamento local em nosso idioma para supervisionar o projeto e garantiu uma transição perfeita com a equipe operacional. ”

Incorporar a máquina SVI em sua linha de produção permitiu que A César Iglesias explorasse novos mercados na República Dominicana e em outros países, como a Jamaica e a Guatemala.

Suscribase Newsletter semanal food

ING  CARN

PAN  z CON  

Nuevos Productos

 

kiwienzyme logo
Beneo logo  TextAd Logo
  Sensient logo
doehler logo     Hawkins logo
    
     Logo Wacker
  logo
Logo     
|